Jesus e seu conceito de vida


“O espírito é que vivifica; a carne para nada aproveita; as palavras que eu vos tenho dito são espírito e são vida” (Jo 6:63)

Nietzsche estava tremendamente errado! Desculpe Nietzsche, onde é que estiver, mas tenho certeza de que estava absolutamente errado! Concordo perfeitamente com sua frase “deus está morto”, porque sei de que deus falava. O “deus” que Nietzsche conhecia era o “deus” criado e adorado até hoje pelo Cristianismo. Um “deus” perverso e irado pronto a castigar! Um “deus” que exige regrinhas chatas, pois do contrário, senão cumpri-lás, o homem se ferra. Um “deus” que tem um “povo” escolhido e não ama a todos. Um “deus” que precisa ser adorado entre quatro paredes, pois ali e somente ali “Ele” se encontra. Um “deus” mercador que faz do uso de seu nome comércio de música, de livros e até de sua “Palavra”. Esse “deus” está morto desde quando o Mestre nos ensinou adorar um Deus que vive e reina dentro de nós. Esse “deus” Nietzscheano é Zeus com seu raio na mão pronto a descarregar sua ira na cabeça dos pecadores. Esse “deus” é um próprio diabo adorado e celebrado por aqueles que não conhecem uma nova aliança cumprida perfeitamente em Jesus que nos ensinou a profundidade do amor. Mas Nietzsche , você estava errado quando declarou que o “nazareno” negava a vida em vez de afirmá-la. Jesus nunca negou a vida, muito pelo contrário, ele foi um verdadeiro afirmador da mesma.

A vida para Jesus, diferente da visão Nietzscheana, era muito mais do que as paixões, o sentimentalismo, os impulsos, as efemeridades. A vida em Jesus era totalidade, era plenitude, era equílibrio, era espititualidade sadia e livre. Viver para Jesus era carregar um fardo leve, era visitar e se assentar com os humildes, era ter prazer no bem do próximo, era compartilhar a dor com os amigos, era cantar cânticos de vitória a beira da morte, etc. A vida em Jesus era reconhecimento do espírito, daquilo que é essencial e vital como o ar que não se vê, mas sabemos de sua existência. A vida em Jesus era uma faísca perto da labareda de fogo que nunca se apaga, ao qual só podemos contemplar na morte. A vida em Jesus era a personificação de toda boa dádiva, de todo o amor, de toda a gratidão e de toda a esperança que suas palavras ensinaram. A vida em Jesus era uma ansiosidade angustiosa de mergulho em sua própria Vida, a personificação Dele mesmo.

Nietzsche se enganou! Mediu Deus com o “deus” do Cristianismo de sua época e que não é muito diferente do “deus” dos nossos dias. Um “deus” que se tornou “poderoso” impondo medo do inferno. Um “deus” que cobra imposto mensal (dízimo) para realizar sua “obra”. Um “deus” que precisa de inúmeros intercessores para comunicar conosco. Um “deus” homofóbico, preconceituoso e mesquinho. Um “deus” confuso que sempre da uma “revelação” diferente a algum “escolhido” seu para iniciar uma nova religião. E ai de quem não participar de seus templos. Está totalmente condenado ao inferno. Esse “deus” está morto, pelo menos pra mim. Foram as palavras de Jesus que mataram esse “deus” que a religião tenta ressuscitar para a vida. Viva a vida! Viva a vida e seja vivida nas palavras de Jesus!

Anderson Luiz

Um comentário em “Jesus e seu conceito de vida

  1. Concordo com você, nosso DEUS um DEUS vivo verdadeiro,amoroso, piedoso e que nos dá a opção de escolher nossos caminhos, caminhos que muitas vezes escolhemos errado e ele mos perdoa e nos dá outras opções.
    A verdade é que na maioria da vezes nos fazemos de sabidos, espertos, cegos e surdos e não atenção aos recados deixados por ele no maior livro da sabedoria de todos os tempos.
    Por isso é importante que façamos a nossa parte e peçamos a esse Deus verdadeiro que nos ajude , nos perdoe e nos fortaleça nesta grande caminhada.
    Ainda sim, vivamos a luz de DEUS e procuremos amar,servir .

Obrigado pela opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s