Gratidão


“Aprendi que deveríamos ser gratos a Deus por não nos dar tudo que lhe pedimos.” (William Shakespeare)

Desde quando eu tive que fazer a escolha de perder um dos meus olhos, eu comecei a enxergar. Comecei a enxergar que pouco era necessário! As batalhas da vida, o desejo de crescer, a busca de Deus em todas as religiões, magias, seitas e filosofias… tudo isso era superficial, apenas pontuava o meu caminhar de experiências. Hoje sou grato! Por tudo! O que eu mesmo julguei ser mal foi o que me trouxe a oportunidade de enxergar o que estava me cegando. Realmente a “maldição” se transformou em “benção” e todas as coisas cooperaram e creio que continuarão cooperando para o bem. Não o meu “bem” e nem o “bem” daquilo que o mundo conceituou de “bem”. Cooperará para o “bem” daquele que me chamou para ser conforme a “imagem e semelhança de seu filho”. Eu realmente não tenho a ideia do que seja “bem e mal”! Ignorante humano que sou! A única coisa que sei é que aprendi a ter fé! Não corro mais atrás de nada com o fim de “crescer”, não luto as lutas que não me competem lutar, não fico inquieto espiritualmente, pois sei que o que buscava já está dentro de mim. Deus está em mim! Não sigo profetas, não creio em gurus, não me inquieto com “maldições” lançadas, não prego nada a ninguém, não tenho religião e nem vontade de ter, não confio em nada que as mãos humanas tenham feito, não sei o que é melhor para os outros, só sei o que tem sido melhor para mim mesmo em todos esses dias. E se alguém quiser tentar seguir o caminho que estou seguindo, ficaria feliz, mas saiba que esse caminho não foi eu quem fiz e sim um simples carpinteiro que passou pela Terra há uns 2000 anos. Crendo em suas palavras eu aprendi a descansar ao invés de me sentir um “guerreiro”, a enxergar vida e luz onde a maioria não enxerga, a acreditar que o melhor sempre acontece não por meus “méritos” (não há merecimento nenhum em mim), mas por que assim já foi feito e pago alto preço para ser. É só acreditar nisso! É só ter fé de que a maior parte do que buscamos na vida já nos foi entregue, mora em nós e não fora, é só uma questão de consciência. Gratidão por tudo que já foi feito, antes mesmo de eu materializar nessa Terra e por tudo aquilo que eu ainda passarei, percorrerei, viverei… gratidão é o que preciso ter e Ser. Hoje minha vida É gratidão! Hoje eu posso realmente descansar, apesar de saber que há um longo caminho a percorrer. Hoje a minha consciência está em paz, ainda que o mundo inteiro não acredite e acha que eu precise de tantas coisas que eles julgam precisar (religiões, doutrinas, dinheiro, sacerdotes…). Só posso falar do hoje dado a minha limitação como humano, mas pretendo sempre ser grato. Pelo menos hoje eu sou grato!

Obrigado Jesus!

Anderson Luiz

Obrigado pela opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s