Zumbilândia


Os homens fazem a sua própria história, mas não o fazem como querem… a tradição de todas as gerações mortas oprime como um pesadelo o cérebro dos vivos.” (Karl Marx)

Sim, zumbis existem!

Descerebrados”, raivosos e rancorosos, estão a atacar por meio de suas babas gosmentas de ira a todo aquele que faz bom uso da mente.

Zumbis que em sua tacanha mentalidade não se conformam com quem pensa diferente daquilo que eles foram programados a pensar.

Zumbis teleguiados pelo desejo de ódio semeado por revistas, jornais e meios que só mentem, manipulam e plantam meias-verdades.

Zumbis que fazem barulhos e zumbidos como moscas a infernizar alguém quando isso os interessa, mas que fingem um silêncio sepulcral sobre aquilo que não lhes é oportuno.

Zumbis totalmente mortos, envelhecidos e empedernidos pelos seus preconceitos e seus conservadorismos antediluvianos.

Zumbis dominados por tecnologias de ponta, sem um ponta de ânimo para pensar sobre nada profundamente, mas apenas repetir o discurso raso das redes sociais.

Zumbis que adoram sangue, gritam por pena de morte sem pena, levantam a bandeira das armas como “proteção” e se escondem atrás de um “legítimo cidadão de bem”.

Zumbis gélidos e sem amor, justiceiros injustos que se calam quando o “bandido” paga bem e se veste de terno e gravata.

Zumbis que só atacam em bandos e como um bando de idiotas gostam de aparecer como vivos, mas todos sabem que já estão mortos e cheirando mal há anos.

Zumbis que não suportam os “vivos” e os “lúcidos”!

Zumbis repetidores de frases desconexas, bajuladores de homens em trevas e escravos de oportunistas de plantão.

Zumbis que fazem parte de um plano, que se movimentam como peão de um tabuleiro, que vão atrás da carne podre posta como ração diária pelos seus manipuladores.

Zumbis caminhando em seus sonambulismos infantis, nunca acordados, nunca ligados e sempre desconectados do mundo real enquanto “morre” conectado todos os dias a um mundo virtual.

Zumbis adoecidos e virulentos, transmitindo o vírus da raiva sempre que não suportam ouvir opiniões sensatas, honestas e com fundamentos que lhes tiram o chão.

Bem vindo aos novos tempos! Bem vindo a “zumbilândia”!

Anderson Luiz

Obrigado pela opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s