Sobre o pensar


Pensar é o trabalho mais difícil que existe. Talvez por isso tão poucos se dediquem a ele. (Henry Ford)

Pensar dá trabalho! Em um mundo automatizado, onde o comodismo domina e a praticidade aliena, o ser humano que gasta tempo pensando é um problema sério. Num “mundo novo” e proativo, neoliberal e que supervaloriza a ação, a mobilidade e a rapidez, o ser humano que para para refletir é um peso morto. Produtividade, eficiência, eficácia, são palavras que não se encaixam no estilo de vida de um pensador. E nessa “nova era”, os pensadores são tidos como improdutivos, pois reflexão e pensamento não se podem medir, quantificar e nem se inserir em quadros estatísticos. Morte aos filósofos e sociólogos e suas disciplinas improdutivas, pensam eles.

E o ato dessa “vagabundagem” e “vadiagem” do pensar e refletir a cada dia que passa se torna ainda mais revolucionário! É por que pensar dá trabalho em um mundo pronto e acabado. As facilidades nem sempre alienam, mas em boa parte das vezes, sim. Os jogos eletrônicos viciam a mente para obedecer somente comandos. Brinquedos tecnológicos domesticam, conformam e transforma corpos para a disciplina e para a docilidade. É a lógica da passividade que não reflete, ou seja, não reage a uma ação pensando (pensar é uma ação?). Parar, respirar, gastar tempo olhando para o nada sem estar conectado a internet, mas procurando se conectar com o Universo que somos, é um ato revolucionário em nossos dias. Pensar dá trabalho, muito trabalho! Fobias e fobias, ansiedades, neuroses e mais neuroses podem ser curadas com descanso, com ócio sem culpa, com leituras que levem a reflexão. Pensar diferencia na maioria das vezes, o pensador das “doxas” (opiniões) da maioria. Isso exclui, isola e afasta o pensador! Em um mundo “globalizado”, quem quer pagar o preço de viver isolado? Quem quer se submeter a esse esforço já que é mais fácil seguir o fluxo, ir na mesma correnteza que o pensamento “moderno”? Sejamos revolucionários! Vamos parar para pensar e refletir um pouco mais sobre isso?

Anderson Luiz

Obrigado pela opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s